domingo, 29 de abril de 2012

einsamkeit

And I just wanted you... even more. 
Mesmo que você não mereça...

(e passou, e agradeço por ter passado.. sem mágoas)

Algo tão difícil de alcançar. Tão desafiador para manter consigo, e perigosamente aconchegante a ponto de ser doloroso separar-se.

Eu me perdi. Eu não quis achar o caminho de volta... eu enlouqueci nesse caminho... Foi minha única saída.

Mas eu prefiro acordar pra vida.  sonho ilusório que você me colocou, apesar de convidativo, estava me estraçalhando por dentro.. e era mais uma farsa para a perdição, uma máscara, uma válvula de escape
Cada palavra sua, cada gesto...
era uma farpa que me atravessava, uma dose diária de veneno

Guardo na minha mente lembranças que não deveria sequer ter carinho;
que sequer devia lembrar, mas que se dissipam, e que conforme vão, um novo sorriso possa surgir, e dessa vez, um sincero..

 Lembranças que o tempo reduzirá a pó, que o vento vai levar, 
e levará você pra longe de mim.. que o vento lhe conduza melhor do que eu, e te faça voar para o seu lugar..